Está voltando!

Aguarde novo conteúdo.
Em Julho!
Blog em reforma

segunda-feira, julho 08, 2013

Resenhas #10 O Conde de monte Cristo (Le Comte de Monte-Cristo) - Alexandre Dumas





Titulo: O Conde de monte Cristo (Le Comte de Monte Cristo)
Autor: Alexandre Dumas
Editora: editora Scipione
Páginas: 127
Ano da edição: 2008


 "Malditos! - Urrou Edmond, cheio de ódio. - Malditos! Ah! Se um dia eu puder exercer minha vingança, ela será terrível! Mais terrível que a morte!"


Página 26 (Um amigo e professor)
  Edmond Dantés alcança a felicidade e a satisfação na vida, torna-se capitão dum navio (Navio Faraó), está prestes a se casar e tem uma estabilidade financeira, além do mais, é um homem fiel, bondoso e amoroso.
  No entanto,  três amigos formam uma conspiração contra Dantés: Danglars por inveja do patamar em que Dantes se encontra; Caderousse por egoísmo; Fernand por rivalidade amorosa.

  Através da conspiração desses três elementos ocasiona que, Edmond é encarcerado na maior e mais perigosa prisão, o Castelo de If! O motivo foi ser o suspeito de cumplicidade com Napoleão - esse que estava escondido na ilha de Elba - ao lhe entregar uma carta  e receber outra em troca para entregar a um homem em Paris!
  Apesar de Dantés ser suspeito, o vice promotor publico Villefort não acredita que esse seja culpado de nada, porem, ao ler a carta que Dantés possui, se vê em perigo e julga Dantés como sendo muito perigoso e exige que seja preso em segurança máxima! Na Prisão, Dantés conhece Abade Faria, esse o ensina várias coisas que o injustiçado precisa saber, Faria também possui uma grandiosa fortuna, fortuna da qual ninguém acredita que ele a tenha..

"- Se quiser encontrar o culpado de um crime ou de uma traição, procure aquele que pode se beneficiar com isso"

  Com a morte de Abade, Edmond Dantés encontra a oportunidade de fugir da prisão, se colocando no lugar de Faria e jogado no mar no lugar do verdadeiro morto!
  A partir de então tem inicio sua vingança.
  Dantés assume outra personalidade, encontra a fortuna deixada por Faria a ele, vai de encontro com os que acabaram com sua vida e, se passando por pessoas diferentes (Conde de Monte Cristo; Wilmore; Abade Bussoni;) tenta destruir um por um daqueles que acabaram com sua felicidade, sendo os culpados pela sua desgraça.

"- Cedo ou tarde, o homem honesto é recompensado, assim como o criminoso deve esperar sua punição - A voz do religioso era doce e contrita - ..."
Dantés (Bussini) á Caderousse

  "Quando um governo quer desgraçar um infeliz, tem todos os poderes para isso"
Caderousse

"Jacob, vamos para o nosso navio. A primeira parte está cumprida. Agora, como um deus vingador, meu pesado braço justiceiro cairá sobre as cabeças dos culpados"
Dantés (Conde de monte Cristo)

"- Minha vingança foi mais terrível do que pude imaginar!"
Edmond Dantés
________________

 Algo sobre: Opinião, analise, curiosidades.

 
  Alexandre seria fantástico como sendo o criador de algo magnifico, porém, pra inicio de conversa, Alexandre se inspirou num caso real, tirado de uma anedota que leu do arquivo de policia (Mémoires historiques tirés des archives de la police de Paris), "uma coleção de intrigantes casos criminais registrados por Jacques Peuchet, um ex-arquivista policial.". Mesmo sendo acusado de plágio, não se pode dizer que Dumas não criou algo fantástico e melodramático, ele é demais!
  Eu li a analise do livro, ou seja,  me aprofundei muito mais na história do que eu supunha, lá eu pude perceber muito mais do que percebi numa leitura normal e pacifica.
 
  Mesmo eu tendo gostado muitíssimo da obra, eu achei que poderia ter tido uma narração mais profunda, faltou mais vida a história, mas mesmo assim o livro ainda foi extremamente impactante.
  Nesse romance a vingança deixa o amor e os eventos históricos apagados, a vingança de torna o principal e o mais forte assunto tratado no livro.
  Mercedes e Dantés viviam um amor profundo e verdadeiro, porém, com tanto ódio e sede de justiça encontrados na história, isso passa por despercebido.

Da Analise da Ponto e Virgula:

".. escrevendo rápida e descuidadamente, mas produzindo uma história que iria com certeza cativar a atenção de qualquer leitor que tivesse imaginação"

"Como herói mítico imbuído de qualidades sobrenaturais de previsão e onisciência e dotado de riqueza ilimitada, sua figura é irresistivelmente atraente para as mentes mais jovens. Enquanto que para todos, jovens ou velhos, que tiveram vagos desejos de riqueza e poder, e que se acreditam capazes de utilizar tal fortuna sabiamente, as ações de Monte Cristo farão surgir o mais aguçado interesse"
"O espirito de generosidade e cavalheirismo de Dumas, tão explorado em outras histórias, é substituído aqui por uma brutalidade, uma dureza de tom, que demonstra o sangue bárbaro ainda correndo pelas suas veias. Seu magnífico Conde de Monte Cristo pode fazer um exultante apelo ao mundo, mas esse é para ele um mundo onde deve perseguir seus interesses egoístas, e não uma arena
para explorar uma maior humanidade."
 ________________

 Destaques da história: Mar; Prisão; Injustiça; Vingança; Ódio; Cartas; Paris; Elixir; Homicídios...

 Personagens cravados na memória: Edmond Dantes (Conde de Monte Cristo; Wilmore; Bussoni); Abade Faria; Danglars, Mondego, Caderousse, Mercedes, Villefort.

Meu Histórico de Leitura: Clique aqui para ser encaminhado á minha página do Skoob.
Fênix: 4/5 - Favoritado!

 "- Não se esqueça o que o Conde de Monte Cristo disse: o segredo é ter fé e esperar"
 __________________________________

10 comentários:

  1. Oi, Gabryel! :)
    Esse livro conta a história de um dos meus filmes preferidos e eu ainda não tive oportunidade de lê-lo. Mas quero muito, ainda mais agora depois da sua resenha. Eu adorei! <3
    Vou procurar comprar o mais rápido possível. :)

    Beijos!

    Café com Leituras!
    http://cafecomleiturasneriana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. RsRs Leia sim, é um tanto diferente do filme, mas tem a mesma finalidade!

      Bom, obrigado por gostar da resenha! Não sou um super-resenhista mas sigo tentando! HEHE

      Excluir
  2. Nunca vi o filme e muito menos li o livro. Fico me sentindo um ET perto de pessoas que sempre comentam: "Ah, cara, o Conde de Monte Cristo é isso... É aquilo... É demais..."
    Curti a resenha. Abração!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que curtiu! Minha mente fica grata! RsRs

      Leia O conde de Monte Cristo, é demais! Tem o filme no youtube! Como não consegui encontrar em nenhum lugar, resolvi ir ao youtóba e lá tinha. :)

      Abraços!

      Excluir
  3. Oi!
    Acho que essa é a primeira resenha que leio desse livro. Ele não chama muito a minha atenção, mas mesmo assim, tenho vontade de ler.
    Seguindo aqui já!

    BjO
    http://the-sook.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hello, Blake!

      Confesso que eu também nunca me interessei por esse livro, mas depois de saber que minha série preferida "Revenge" foi baseada no romance, vix, minha vontade nasceu e se apoderou da minha mente!

      Obrigado por seguir, já sigo o Sook! :)

      Excluir
  4. O livro parece muito bom! ;) tenho de ler em breve! :D
    Gostei da resenhai! *-*
    Bjnhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, linda!

      Leia sim! Não vai se decepcionar! :)

      Excluir
    2. E "Revenge" foi baseada no livro?! Então tenho mesmo que ler! *-*
      Também adoooooooro essa série! :D

      Excluir
    3. Sim! Revenge, a série super supermente super, foi baseada no livro!

      Isso é incrível, não!

      Excluir

- respondo a todos os comentários;
- deixe seu link, afinal, curto muito visitar outros blogs e ler postagens;
- comentários de anônimos só serão aprovados mediante identificação;
- á primeira menção de grosseria, aguente as consequências.

____________________________________________________________________El Costa

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...