Está voltando!

Aguarde novo conteúdo.
Vem Abril!!!

sexta-feira, agosto 29, 2014

Diário catastrófico: Talvez



28 de Agosto de 2014

Talvez essas palavras sejam de alguém que nunca amou, se isso for mesmo possível, essa é uma verdade.
Suar as mãos, só quando viu alguém a quem tinha medo. Falar gaguejando, só quando estava com vergonha de falar algo que não sabia. Fazer as coisas erradas com muita falta de concentração, muitas vezes quando estava com preguiça.
Talvez essas palavras sejam de alguém que nem a sua própria família amou, sabendo que estimar e ser dependente não são um indício de amor, mas apenas de favor. Por Favor!
Saber amar é muito além do que muitos amam. Confiar que cada um tem seu jeito de amar não é um argumento.
Talvez essas palavras sejam de alguém que não ama, mas que tem vontade disso, e se entrega ao primeiro sorriso de alguém que finge um primeiro ato de carinho.

Com arrogância,
Gabryel Fellipe

terça-feira, agosto 26, 2014

Uma foto com o livro #1 - Maze Runner: Prova de fogo


"O labirinto foi só o começo. O pior está por vir. Lembre. Corra. Sobreviva." 
#Recomendo #Curtindo #Leitura #Livro #Vergaraeriba #JamesDashner #Correroumorrer #MazeRunner #TheScorchTrials #Provadefogo

Nota:

Cara de sono, livro na mão.
Um volume melhor que o outro.
Cada fim de capítulo te deixa com vontade de ler o próximo.

domingo, agosto 17, 2014

Aguardando Moderação - PS: do tempo!


   Você conhece essa coisa chamada tempo livre? E o chamado planejamento?
   Todos nós conhecemos!

   Depois que atingimos uma idade fora dos padrões da infância, nossa vida começa a se basear em responsabilidades.. é trabalho, escola, curso, ensaios, e outros mais - cada um com seus afazeres respectivos. Nosso tempo livre se extingue, e quando ele aparece temos que usá-lo para o cumprimento de algo que nos é necessário ser feito, o que o transforma ser não um tempo livre, mas um tempo de aproveitar para fazer algo que não deu tempo de fazer ainda.

quinta-feira, agosto 14, 2014

A Esperança (Hunger Games - Mockingjay), de Suzanne Collins (Editora Rocco - 424 Páginas - Ano 2011)

“O que eles querem é que eu assuma verdadeiramente o papel que designaram para mim. O símbolo da revolução. O Tordo. Não é suficiente o que fiz no passado, desafiando a Capital nos Jogos, fornecendo um ponto de reorganização. Devo agora tornar-me a líder real, o rosto, a voz, o corpo da revolução.” Página 17.

segunda-feira, agosto 11, 2014

Tag #12 - All you need is love and a good cup of coffee

                E hoje (11 de Agosto de 2014), o blog está fazendo 1000 dias de existência! Me sinto maravilhado com tal feito, e agradecido. Obrigado D-s!

Ás vezes tudo o que precisamos é de amor e uma boa xícara de café, ou alguma outra bebida!
Indicado pela Milly do Mais uma página, venho responder a essa Tag interessante.

sexta-feira, agosto 08, 2014

Histórico de leitura: Ressaca ou depressão literária!

Com Shelley, com King e ainda com Collins!

    Uma das piores coisas que acontecem aos leitores é a tal da ressaca literária, mas recentemente tenho sofrido de algo pior, mais apavorante e destrutivo: A depressão literária.

Frankenstein, de Mary Shelley   |   Zona Morta, de Stephen King   |   A Esperança, de Suzanne Collins
 
   Como podem ver, estou lendo três livros num mesmo período, e talvez todos os leitores já tenham feito isso, mas eu não estou fazendo porque tenho costume, mas para tentar me animar, porém não está dando certo!

segunda-feira, agosto 04, 2014

Agosto, o mês dos ventos


Nos meses de Agosto você deve escolher se firma os pés no chão ou se deixa que o vento te leve.
É inútil tentar saber quando o vento virá, ele tenta avisar, não que dizer que ele não consiga.
Mas é importante saber que em Agosto, como nos outros dezoito “agostos” que eu já vivi, as mudanças são perceptíveis, pois os ventos são notáveis, o sentir é máximo, o ouvir é leve e o respirar é intenso.
Já te foi avisado: Agosto é o mês dos ventos, e ventos significam mudanças, estejam preparados para eles, ou então, ventos leves te serão como furacões, e furacões não trazem mudanças, trazem destruições.

Gabryel Fellipe - Agosto de 2014
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...